O presidente da sua república deve ser você. Vote em si mesmo!

Além de todas as mudanças que você pode estar passando sendo o presidente da sua república, vivemos recentemente mudanças políticas na presidência do nosso país, Brasil. Durante esta semana, nos Estados Unidos, os debates de Hillary Clinton e Donald Trump estão mobilizando o mundo e também nossa população.

Isto é ótimo, pois os brasileiros estão deixando de ser passivos para se tornarem participativos e colaborativos ou ao menos aprendendo a lutar.

Mas, antes de discutirmos sobre quem será o próximo presidente do Brasil, dos Estados Unidos, ou de qualquer outro país, quero te fazer algumas perguntas:

Quem é o presidente da sua república?

O quanto você é responsável pela sua própria realidade?

O quanto você assume riscos?

O quanto você pratica aquilo que se comprometeu?

Quero hoje te propor algumas reflexões: Que tal você passar a ignorar assuntos não relevantes? Que tal fazer primeiro a sua parte, assuma a liderança da sua carreira, da sua vida, ou melhor, seja o presidente da sua república. Ai, consequentemente, você estará pleno para contribuir para uma sociedade e lutar por mais democracia e direitos!

Quem é o presidente da sua república? Você ou o outro?

O quanto você delega os seus poderes pessoais aos outros e se coloca no papel de vítima para não assumir responsabilidades da própria vida ou mesmo da sua carreira? Por que você não assume seu poder pessoal e resgata as rédeas da sua carreira e vida?

Assim como eu, você deve conhecer pessoas que dizem frequentemente:

“Ai, não posso porque meu marido não gosta!”;

“Poxa, não vou tirar férias porque meu chefe não deixou”;

“Meus pais querem que eu seja médico! Oh vida cruel…”, e assim por diante!

Existem muitas pessoas que vivem fazendo drama, que estão sempre colocando a culpa no outro sobre as suas frustrações e derrotas. A maioria das pessoas se coloca neste papel, pois tem muito MEDO de assumir riscos e querem ser aceitas a qualquer preço.

É mais fácil para elas aceitarem essa realidade de vítima, o que infelizmente acaba se tornando um hábito vicioso! Hoje, quero muito te pedir que reflita e pense em como você está cuidando da sua presidência. Quero te encorajar a assumir a responsabilidade e passar a assumir a liderança da sua própria realidade.

Nós fazemos escolhas o tempo todo, somos livres e a cada momento podemos refletir e redirecionar nossos caminhos. Portanto, meu pedido hoje é que você seja responsável não apenas para o seu futuro voto no presidente do Brasil, para os seus palpites nas eleições americanas, mas que você comece, a partir de agora, a assumir o posto de presidente das suas escolhas.

Thank God It’s Today – O que ninguém me ensinou na escola:

Dica #1 – Você é o presidente da sua própria carreira e da sua própria vida! Ninguém pode fazer isso por você.

Dica #2 – ASSUMA Você e defenda sua causa. Não fique em cima do muro!

Dica #3 – A divergência entre as pessoas é linda. Você assumir quem você é, entender quais são seus ideais, saber do que você gosta, o que te dá prazer é muito especial. Não precisa agradar a todos. Seja você!

 

Gostou? Então comente, compartilhe e ative as notificações clicando no sininho ali no canto para receber novos textos em primeira mão no seu e-mail. Você também pode fazer parte da nossa lista VIP do WhatsApp! Mande “Sou VIP” para o número +55 11 95074-3084 e tenha no seu celular as novidades do TGI Today!

 

HUGS & KISSES 🙂
Ligia Costa

Atualizado em

Comentários


Lígia Costa é empresária e especialista em planejamento.

LIGIA COSTA

Sou formada em Marketing pela Universidade Mackenzie, pós-graduada em Gestão Organizacional e em Relações Públicas pela Universidade de São Paulo (USP).

Saiba mais

Você está aqui porque acredita que hoje é o grande dia


É novo por aqui?

Faça parte do TGI Today